segunda-feira, 19 de julho de 2010

Mensagem de Frei Alzinir aos jovens

Caros Jovens participantes do VII Encontro de Jovens da OCDS,

Saudações e paz a cada um!
Com minhas preces e esta breve mensagem faço-me presente a este importante evento para o Carmelo Teresiano, nestes dias em que vocês se encontram em Fortaleza, “Terra do Sol”, para refletir sobre “O Mundo é meu Carmelo”.
Perguntava-me: Qual a essência do Carmelo, que permite vivê-la em meio ao mundo?
A resposta, encontro-a em Santa Teresa de Jesus (1515-1582). Ela recorda a cada um de nós que temos “um natural tão rico”, pois o “Sol da justiça” tem sua morada no mais profundo de cada pessoa humana e que esta é “capaz de comunicar-se com Deus” em amizade.
Em outras palavras é o chamado a viver a “grande dignidade” da oração para a busca da perfeição, que consiste em fazer a vontade de Deus. E Sua vontade se resume no amor a Ele e ao próximo, como Jesus, o “Capitão do amor” viveu e ensinou.

Para S. Teresa a essência da oração é o ser “servos do amor” a Deus que se traduz na prática de obras boas e virtuosas a Seu serviço, o ser bom para com os outros em qualquer circunstância e lugar onde se encontrar, pois “o verdadeiro amante em toda parte ama e se lembra do amado!” (Fundações 5, 16).

Assim, viver no mundo e fazer dele o Carmelo, implica em lutar por viver e implantar o verdadeiro Amor na família, nas amizades, no trabalho, no estudo, no lazer, na cultura, na política.... conscientes que ele brota da fonte que é Deus presente no interior de cada um de nós.

Caros Jovens: o Bom Deus os ilumine, a fim de que tenham um frutuoso e alegre Encontro: com Deus Fonte da vida e do amor presente no coração de vocês; com os outros, criando laços de fraternidade e de unidade no amor com o qual e “para o qual fomos criados”.
Agradeço de forma especial aos organizadores, equipes de trabalho e assessores por todo o serviço prestado: Deus os abençoe e recompense pela sua dedicação!
Que a SS. Virgem do Carmo, nossa Mãe e Irmã a quem celebramos no dia do início do Encontro seja acolhida no coração de cada um de vocês e ela os ampare com seu amor materno pelo sinal do Escapulário.
Um abraço fraterno,
Fr. Alzinir F. Debastiani OCD

S. Paulo , 15 de julho de 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário